Comissão de Transportes libera R$ 5 milhões para a volta de antigos horários das barcas, em Paquetá

Dionísio Lins afirma que o valor é necessário para cobrir o que a CCR alega ser “prejuízo na operação”.

Antes da audiência pública que vai tratar da nova grade horária das barcas, o presidente da Comissão de Transporte da Alerj, Dionísio Lins, anunciou a liberação de cerca de R$ 5 milhões como subsídio para que os antigos horários sejam retomados.

De acordo com o deputado estadual o valor é necessário para cobrir o que a CCR chama de “prejuízo na operação”.

O anúncio foi feito agora há pouco e ainda não há detalhes se o governo já recebeu o valor.

A discussão vem se arrastando desde de dezembro e passou a valer no dia 27 de janeiro. A ampliação nos intervalos entre as viagens, autorizada por uma decisão judicial a pedido da concessionária que administra o modal, tem sido alvo de protestos por parte de quem vive por lá.

Como justificativa para a restrição, a CCR alega dificuldades financeiras em função do alto custo operacional.

Fonte Band News FM

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of

Send this to a friend