Polícia Federal prende o ex-deputado Índio da Costa

A investigação é sobre fraude nos correios, Índio da Costa foi candidato a prefeito em 2016 e governador em 2018, ele é autor da Lei da Ficha Limpa.

A operação da PF deflagrada hoje para investigar fraudes nos Correios prendeu preventivamente nove pessoas no Rio de Janeiro.

Entre eles, Índio da Costa, ex-deputado federal, ex-candidato a prefeito do Rio de Janeiro e ex-candidato a vice-presidente de José Serra, em 2010. Índio, que já integrou o PFL, PTB e DEM, atualmente está filiado ao PSD.

A operação “Postal Off” visa a desarticular um esquema de fraudes no envio de mercadorias pelos Correios.  No total, foram expedidos pela  7ª Vara Federal de Florianópolis 12 mandados de prisão e 25 de busca e apreensão.

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of

Send this to a friend