Ministério Público do RJ investiga funcionários fantasmas na Alerj

Os servidores são acusados de receber salários acima de R$ 18 mil sem comparecer à casa.

O Ministério Público investiga a denúncia de funcionários fantasmas que recebem os maiores salários na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro, sem comparecer à casa.

Em nota, o MPRJ alegou que o Centro de Apoio das Promotorias vai distribuir as informações para que seja analisada por uma das oito promotorias de Justiça de Tutela Coletiva de Defesa da Cidadania.

Entre as denúncias, sete servidores são acusados de receber salários acima de R$ 18 mil, sem comparecerem nos gabinetes e comissões na Alerj ao longo deste ano.

Com informações Band News FM RJ
Comentários
Loading...

Send this to a friend