Vasco bate meta de financiamento coletivo para construção de novo CT

O Vasco da Gama bateu a meta de R$ 2 milhões para a construção da etapa inicial de seu novo Centro de Treinamento.

Em tempo recorde, o Vasco bateu a meta de R$ 2 milhões , nesta sexta-feira, para a construção da etapa inicial de seu novo Centro de Treinamento, através de uma campanha de financiamento coletivo na internet. A obra, orçada em R$ 30 milhões está prevista para começar no primeiro semestre de 2020, em um terreno cedido pela prefeitura, em Jacarepaguá, Zona Oeste do Rio de Janeiro, ao lado do CT do Fluminense, que fica próximo à Cidade de Deus.

Mais de 17 mil apoiadores fizeram doações que variam entre R$ 15 a R$ 5 milhões ao longo de três semanas. Em contrapartida, o clube oferece recompensas que vão desde um certificado digital e agradecimento no site até jantar com o time profissional e jogo especial em homenagem.

— Poder participar de algo semelhante à construção de São Januário é muito significativo. Espero que possa servir de exemplo para as próximas gerações continuarem apoiando o clube, assim como nossos irmãos vascaíno fizeram no passado — comenta Roberto Júnior, de 26 anos, se referindo à mobilização para a criação da sede do clube.

A recompensa não chamou a atenção do vascaíno que fez questão de divulgar entre sua rede a campanha de doação.

— É quase um dever replicar e convidar a todos a contribuirem. Espero que esse centro de treinamento seja um marco para a evolução do Vasco. De forma a voltar a competir de igual para igual como há 20 anos atrás, com outros clubes como Corinthians, Flamengo e outros — afirma Júnior.

O montante arrecadado visa custear os serviços técnicos e de terraplanagem que consiste o primeiro objetivo da campanha que totaliza R$ 6 milhões. As próximas arrecadações terão como foco os campos, muros e edificações.

O projeto contempla seis campos de medidas oficiais e um estádio para 6 mil pessoas, para os jogos das divisões interiores. A ideia do clube é transferir os treinos do departamento de futebol para as novas instalações no primeiro semestre do ano que vem. Sérgio Caldas é o arquiteto responsável pelo centro de treinamento que irá integrar o elenco profissional e equipes da base.

Em nota, o clube informou que “O objetivo é fazer com que, inicialmente, o dinheiro gasto nas obras do CT não saia dos cofres do clube e não interfira no orçamento já estipulado para 2019. A esperança é poder treinar no novo CT antes do Brasileiro de 2020”.

Fonte Extra

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of

Send this to a friend