Editoria

Ponto de Equilíbrio

A pandemia da desinformação

Contra fatos, não há argumentos. Esse velho ditado, tão verdadeiro quanto necessário, parece ter sido esquecido por Jair Bolsonaro. O Presidente, que se elegeu em cima de uma rede de mentiras e inimigos imaginários, agora usa do…

Dólar alto, moral em baixa, democracia em dúvida

Em 2015, o Brasil viveu a experiência de ter ruas lotadas de pessoas protestando contra o dólar alto e uma chefe do Executivo que soltava pérolas tolas e pouco inteligentes. Cinco anos depois, o Presidente do país mudou, mas o cenário parece…

O silêncio eleitoral

Geralmente, quando escrevo minha coluna, eu coloco minhas baterias em direção aos erros cometidos pelo Executivo, pois Crivella, por si só, cometeu diversas caneladas em sua gestão. Mas o meu questionamento hoje é: onde estavam os vereadores…

Os opostos se atraem

Os dois maiores líderes da política nacional, Bolsonaro e Lula, conseguiram uma façanha inédita para as terras tupiniquins: transformar a esquerda e a direita em uma única coisa. Todo o ano de 2019, que virou um terceiro turno das eleições que…

Cavalo de troia das boas intenções

Não é de hoje que fica evidente a falta de gestão e de zeladoria do Prefeito com a cidade. No lugar do Prefeito sentar e governar, preferiu achar inimigos imaginários, criar rivalidades e repartir a Prefeitura para fugir do impeachment. Para…

Os mesmos erros, esperando resultados diferentes

Há exatamente um ano, Jair Bolsonaro chegava ao segundo turno das eleições presidenciais. O seu discurso contundente, repleto de falácias e bravatas, conquistou os corações dos eleitores amargurados com a política nacional. Suas promessas de…

Ágatha, Witzel e a morte como palanque eleitoral

E u geralmente evito falar de assuntos que fervem a opinião pública, mas dessa vez o silêncio virou escolher um lado da história. É simplesmente surreal a relativização da morte de uma menina no intuito de defender uma política…

Um prato cheio para uma crise no Rio

As eleições terminaram com gosto de terceiro turno. Como é de costume, os que perderam se preparam para a próxima eleição, e os que ganharam se alinham para fazer o melhor governo possível e assim conseguir uma possível reeleição. Não foi o que…

Amputar o braço para não pagar o tratamento

O Rio de Janeiro vive um caos na mobilidade urbana, e isso é vivido na pele de todo carioca no seu dia-a-dia. Independentemente de você andar de ônibus sucateados, de carro no engarrafamento ou até mesmo de bicicleta e a pé pelas calçadas, você…