Não adianta forçar: vai acontecer quando for apropriado

Não tem jeito. O tempo é uma das coisas incontroláveis da vida.

Dizem que carioca ama calor. Tem pessoas que gostam tanto que, para elas, poderia ser verão de janeiro a janeiro. Eu, particularmente, prefiro a primavera, mas, independente do nosso gosto, o ano é passa por estações diferentes, assim como a vida.  Algumas estações são prazerosas, saudosas, outras bem sofridas e doídas, mas todas têm seu tempo devido. Não vivemos verões constantes, não é? Nossa reflexão hoje é para pensarmos a respeito dessa mania que temos de querer controlar essas fases.

Não tem jeito. O tempo é uma das coisas incontroláveis da vida. Por mais que estejamos sempre querendo que o fim de semana seja eterno e a segunda-feira nunca chegue, não dá para controlar isso. Não dá para fazer com que os dias bons nunca acabem e os maus nem se aproximem, mas entendo que isso já esteja enraizado em nós, afinal, quem gosta de sofrer, não é mesmo? É natural que busquemos a segurança, o conforto, o prazer e a diversão constantemente, mas a vida não é feita só de primaveras ou de fases de “vacas gordas”, como dizem.

Todas as estações são importantes. O problema é que mesmo sabendo disso, insistimos em apressar as coisas e querer que o tempo das “vacas magras” passe bem rapidinho. E não adianta apenas passar por elas, precisamos aprender com essas fases. São exatamente esses momentos, os mais difíceis, que nos ensinam as maiores lições.  Com as duras estações da vida, amadurecemos mais e cabe a nós, responsáveis pela nossa própria vida, usar esse tempo da maneira mais sábia possível. O que você pode aprender com a sua fase atual?

 

O seu tempo

Se já é arrogante da nossa parte achar que podemos acelerar os capítulos da nossa história pessoal, quanto mais querer apressar as estações alheias. Mesmo que seja com as melhores intenções, tentar intervir para acelerar o outro pode parecer extremamente prepotente e acabar prejudicando as relações. Cada pessoa tem seu ritmo e é assim que as coisas fluem. Mas por que adiantar? A vida não é linear.

Outro dia, conversando sobre isso, recebi um texto escrito por uma jovem niteroiense chamada Camilla Abud, que me deu autorização para compartilhar um trecho com vocês.

“Não dá para forçar nada: um perdão, uma cura, uma reconciliação, uma aproximação, uma alegria, um desejo de viver, um amor… Tudo vai acontecer exatamente quando for apropriado que aconteça. Quem vai dizer que já é tempo? Muitos! Praticamente todos a sua volta, porque, claro, as pessoas amam dar pitaco onde não foram chamadas!

– Nossa, mas ainda essa história? Já tá na hora de superar!

-Tá aí sofrendo porque quer.

– Você precisa perdoar fulaninho, porque o perdão faz mais bem a você que a pessoa perdoada.

– Você quer mesmo ser curada? Ah, mas nem parece!

O que essas pessoas sabem de sentimentos que são unicamente seus? O tempo é seu. Tudo o que compete a você só pode ser resolvido no seu tempo”.

Por isso, hoje te pergunto: você tem respeitado o tempo dos outros? E o seu tempo? Tem forçado demais ou tem vivido bem o propósito de cada dia? Não passe a semana toda esperando a sexta-feira. Não queira apressar fases. Viva o hoje desfrutando do que ele tem de melhor para você. Acredite: fica mais leve quando vivemos bem o nosso tempo.

Tenha uma excelente semana!

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of

Send this to a friend