A crise do novo Coronavírus como uma oportunidade

Um novo olhar sobre nossas liberdades, prioridades e responsabilidades diante do caos.

Não, eu não vim dizer que você deve se aproveitar da crise do novo Coronavírus para tentar tirar vantagem. O que estamos vivendo é um grande problema que tem assolado o mundo de diversas formas, mudando a rotina de muitas pessoas, famílias, empresas e organizações.

São muitas mortes, muitos doentes. Temos visto colapsos em sistemas de saúde. Muitos perderam parentes, colegas e amigos. A Covid-19 não trouxe apenas esse tipo de sofrimento, mas causou também um clima de instabilidade, comoção e medo, que tem predominado.

Como ficamos, então, diante desse cenário? Como não deixar que o pânico e os pensamentos negativos prevaleçam nesse turbilhão de emoções que a crise nos traz? Não é uma tarefa fácil, mas é preciso olhar tudo isso como uma chance que recebemos. Uma possibilidade de ressignificar, isto é, de dar um novo significado a algumas coisas.

Liberdade

Para muitos, o isolamento social que a crise nos exige pode ser visto como uma prisão. Mas olhe bem: é uma bela oportunidade de rever – e valorizar – a liberdade que temos. Somos livres para ir, vir e estar. Poder estar em restaurantes, festas, aglomerações e comunidades é algo tão habitual que muitas vezes esquecemos o tamanho da dádiva. É agora, no ficar em casa, que perdemos um pouco disso e sentimos falta de algo tão simples. Já pensou qual será a primeira coisa que você fará após tudo isso acabar?

Prioridade

Quando nos preparamos para passar alguns dias em quarentena, precisamos escolher bem onde, com quem e com o que passaríamos esses dias. É hora de priorizar o melhor lugar, as pessoas certas e os itens adequados para o isolamento. Você se orgulha do local que você escolheu ficar? Das coisas que preferiu estocar e proteger? Das pessoas que estão por perto? Aliás, com o distanciamento social, realmente vemos quem está perto de nós, mesmo que seja pela internet, não é mesmo?

Responsabilidade

Por último, mas não menos importante, a crise pode ser uma oportunidade de ressignificar sua responsabilidade. Qual é o seu papel em meio a esse caos? O que você pode fazer para que a situação melhore rapidamente? Ainda que a Covid-19 não te atinja clinicamente, qual é a sua responsabilidade para que ela não atinja quem está ao seu redor? Quando entendermos que passar por uma crise não é só lamentar o que deu errado, mas trabalhar para que tenhamos o melhor desfecho possível, saímos do lugar de vítima e assumimos o papel de protagonista. Isso é responsabilidade e maturidade.

A adversidade atinge a todos, mas poucos realmente farão dela uma oportunidade. Espero que você esteja entre os que olharão para trás e dirão que a crise do Coronavírus, apesar do mal que já causou, abriu portas para um tempo melhor na vida.

Saúde e paz a todos nós!

Comentários estão fechados.